Sindifisco discute reforma política no MCCE

Publicado originalmente no Sindifisconacional por Vândia Ribeiro

 

Representantes das entidades que compõem o MCCE (Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral) discutiram na quarta-feira (13/3), durante reunião mensal, na sede da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) em Brasília (DF), detalhes sobre a elaboração de projeto de lei de iniciativa popular que trate sobre reforma política democrática. Durante o encontro também foi analisado o relatório da Comissão de Relatores da Reforma Eleitoral. 

De acordo com o diretor- adjunto de Relações Intersindicais do Sindifisco Nacional, Hélio Roberto dos Santos, que representou o Sindicato na ocasião, na próxima quarta-feira (20/3) um novo encontro deverá definir o teor da minuta de uma proposta que trata sobre o financiamento de campanha eleitoral. Para o MCCE o financiamento de campanha deve ser público e não privado, como é hoje.

Após a elaboração da minuta do projeto de lei, o documento será apresentado à população e, em seguida, será iniciada a coleta de assinaturas. Importante ressaltar que para ser protocolado no Congresso Nacional um projeto de lei de iniciativa popular é necessária a assinatura de 1% do eleitorado do país.